porto seguroUm funcionário público de Porto Seguro foi assassinado na Passarela do Álcool, uma das principais ruas do centro da cidade, por volta das 9h desta sexta-feira (27). Segundo testemunhas, Valfredo Costa Santos, de 32 anos, foi abordado por dois homens em uma moto. Um deles teria disparado contra a vítima, que ainda correu para o prédio da Secretaria de Turismo antes de receber mais disparos. Shell, como era conhecido, não resistiu aos 15 tiros e morreu no local. De acordo com o delegado Valfredo Neto, que recebeu a ocorrência, a polícia segue algumas linhas de investigação: as principais são a de envolvimento com drogas e abuso de poder. Shell era o chefe de fiscalização de atividades em vias públicas e organizava as barracas da Passarela. Barraqueiros do local, que pediram para não serem identificados, relataram ao Bahia Notícias que a vítima privilegiava algumas pessoas em detrimento de outras ao alterar a ordem das cabanas, além de destruir o isopor daqueles que tentassem vender bebidas sem a sua autorização. Apesar de não ter nenhuma informação concreta, Neto afirma que, pelo número de tiros, o crime envolveu “muita raiva” e a arma utilizada é pouco comum nesses casos – uma ponto 40 – o que mostra um nível maior de sofisticação. O delegado afirmou ainda que, apenas em 2013, foram mais de 100 homicídios na cidade. Porto Seguro receberá, durante a Copa do Mundo 2014, as seleções da Alemanha e Suíça. A equipe de Camarões também visitou recentemente a cidade. Procurada, a assessoria de imprensa da prefeitura disse não ter um posicionamento sobre o caso.

Bahia Notícias

Facebook Comments
Comentar