ciumesE você, acredita que situações de ciúme em um ambiente de trabalho são iguais tanto em homens quanto em mulheres? Pois bem, um estudo de pesquisadores da Universidade de Valência, na Espanha, Groningen (Holanda) e Palermo (Argentina) sugere que, na empresa, essas questões envolvem algumas diferenças de gênero. Segundo a pesquisa, as mulheres são mais afetadas pela competição sexual do que os homens. Já as habilidades sociais dos colegas podem provocar ciúme e inveja profissional igualmente em ambos os sexos. “Mulheres com alto nível de competição intrassexual [ou seja, a concorrência com outras pessoas do mesmo sexo, causada pelo desejo de obter e manter o acesso ao sexo oposto] são mais ciumentas se a rival for mais atraente, e mais invejosas se a rival é mais poderosa e dominadora”, disse Rosario Zurriaga, da Universidade de Valência. Para o pesquisador, o resultado “mostra a importância das habilidades sociais em ambientes de trabalho”. A pesquisa entende a diferença entre ciúme e inveja dessa forma: o ciúme é o que vem quando um relacionamento está ameaçado devido à interferência de um rival. A inveja é considerada uma resposta ao sucesso, qualidades ou habilidades de outra pessoa – e envolve comparação com ela e deseje ter os seus atributos. Segundo o estudo, é necessário que as pessoas modifiquem a percepção que têm de perda, ameaça e comparação com os outros, tarefa essa considerada difícil, mas não impossível. Informações da Superinteressante.(Bahia Notícias)

Facebook Comments
Tags:
Comentar