radialistaUm radialista foi agredido dentro de casa após denunciar um advogado que cobrava para aposentar idosos do município de Saúde, a 353 km de Salvador. Segundo Ribeiro Sousa, que trabalha na rádio Paiaia FM, o advogado acompanhado de mais dois homens invadiram sua residência, por volta das 22h deste domingo (02).

O filho de Ribeiro, de 15 anos, foi empurrado pelos agressores e terminou cortando o braço com um copo quebrado. A agressão foi motivada por uma denúncia, feita pelo radialista, de que o advogado Joel Caetano da Silva Neto estaria cobrando R$ 3.500 para aposentar idosos. As cobranças indevidas acontecem há cerca de três anos na cidade.

Ribeiro denunciou o advogado na semana passada, e segundo ele, não teria divulgado o nome do acusado na rádio.

— Fui procurado por pessoas humildes, que não tem nem o que comer. Conversando em casa, descobri que a minha sogra também era vítima do advogado e resolvi denunciá-lo.

De acordo com o radialista, Joel Caetano trabalha com mais uma pessoa, que seria a responsável por ir à casa dos idosos para obrigá-los a adquirir o empréstimo. O comparsa do advogado trabalha em uma empresa de empréstimos e recebe comissão por contrato, segundo a denúncia do radialista.

O radialista contou ainda que o advogado foi até a rádio em que ele trabalha, na manhã desta segunda-feira (03), e falou para o secretario que estava arrependido pelas agressões.

A vítima prestou queixa da delegacia de Saúde e foi encaminhado para o município vizinho de Jacobina para fazer o exame de Corpo de Delito.

Por:R7

Facebook Comments
Tags:,
Comentar