sistema de abastecimento de aguaSistema integrado de abastecimento de água que irá beneficiar 10.317 habitantes de nove comunidades do município de Carinhanha, semiárido baiano, será inaugurado nesta quinta-feira (20) pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e pelo governo da Bahia, em mais uma ação para garantir o acesso à água em áreas rurais do Médio São Francisco baiano.

O evento acontece a partir das 9h na comunidade Agrovila 15, zona rural de Carinhanha, e contará com a presença do presidente da Codevasf, Elmo Vaz, e do governador do Estado, Jaques Wagner, além de outras autoridades.
A obra foi realizada a partir de convênio da Codevasf com a Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia (Cerb), um investimento de R$ 7,9 milhões que está assegurando água para os moradores das comunidades de Marrequeiro, Estreito, Feirinha Vila São João, Agrovila 15, Agrovila 16, Agrovila 23, Jupi, Canabrava e Aguada do Meio.

Além do sistema de Carinhanha, o convênio da Codevasf com a Cerb inclui a implantação de outros sistemas de abastecimento em duas localidades de Xique-Xique, e 28 comunidades de Paratinga. O valor total do convênio é de R$ 13,6 milhões, recursos provenientes do programa Água para Todos – coordenado pelo Ministério da Integração Nacional (MI) e executado pela Codevasf em sua área de atuação.

“Agora, a gente está no céu. Sou um dos fundadores desta comunidade e já passamos muito sofrimento. Agora mudou tudo. Eu trazia 20 litros de água do rio todo final de semana para poder usar aqui. A qualidade da água deixava a desejar, e toda hora faltava. Muitas vezes não tinha nem como dar descarga no banheiro. Hoje, a gente quer tomar banho, pode tomar sossegado. Chega uma pessoa em nossa casa, a gente não passa mais vergonha”, conta Florisvaldo Magalhães, morador da comunidade de Feirinha Vila São João.

Maria Francisca de Jesus, moradora da comunidade de Marrequeiro, também comemora a inauguração do sistema. “Aqui mudou bastante depois que a água chegou. Em minha casa, só chegava água à noite. Por isso, eu tinha que passar quase a noite toda acordada pra poder guardar água. E nem todo dia vinha. Às vezes, levava uns três dias sem cair uma gota na minha torneira. E tinha períodos piores. Às vezes levava quase 20 dias, aí eu precisava ir pra outro lugar mais afastado, os filhos ficavam sem ir à escola. Agora melhorou muito, não só pra mim quanto para a população toda. A qualidade da água também melhorou demais. Antes, era escura, cheia de bagaço, insetos. Até pra lavar roupa melhorou muito. Antes gastava muito sabão”, descreve.

A captação do sistema é feita através de estrutura flutuante no rio São Francisco, próxima à comunidade de Estreito, uma das beneficiadas. Conta com estação elevatória de água bruta, dois conjuntos de eletrobombas centrífugas de 20 CV; adutora de água bruta; estação de tratamento; estação elevatória de água tratada; reservatórios, elevados em concreto armado e em fibra de vidro; adutora de água tratada por recalque; adutora de água tratada por gravidade; sub-adutora e linha alimentadora, entre outros equipamentos.

“Nossa vida mudou muito. Antes, a gente bebia água salobra, suja, que vinha com lixo, com toda poluição. E desde este mês de fevereiro, a gente já está bebendo água de qualidade. É melhor pagar por água boa do que receber de graça uma coisa que só trazia mal. O importante também é que as pessoas estão vindo aqui dar informações sobre o funcionamento desse sistema, o que é muito bom”, comemora Calisto Ferreira, morador da comunidade ribeirinha de Estreito e presidente da associação comunitária local.

Outras ações
No evento de inauguração do sistema de abastecimento de Carinhanha, o presidente da Codevasf assinará ordens de serviços para execução de novas obras que irão ampliar o acesso à água para comunidades rurais do sertão baiano.
Entre elas está a recuperação e limpeza de aguadas em 38 municípios, na área de abrangência da 2ª Superintendência Regional da Codevasf, um investimento de R$ 4,4 milhões. Desse total, cerca de R$ 1,9 milhão serão investidos em seis municípios do Território de Identidade Velho Chico: Bom Jesus da Lapa, Carinhanha, Feira da Mata, Malhada, Paratinga e Riacho de Santana.

Também será anunciada a perfuração e instalação de poços artesianos em 50 municípios, no valor de R$ 8,2 milhões. Nove desses municípios fazem parte do Território de Identidade Velho Chico: Bom Jesus da Lapa, Carinhanha, Ibotirama, Igaporã, Malhada, Riacho de Santana, Serra do Ramalho e Sítio do Mato. Nesses nove municípios, será investido cerca de R$ 1,2 milhão.

Também será anunciado pelo presidente o fornecimento de equipamentos para implantação de sistema de abastecimento de água em 16 municípios, no valor de R$ 6,4 milhões. Desse total, cerca de R$ R$ 1 milhão beneficiará comunidades de seis municípios do Território Velho Chico: Bom Jesus da Lapa, Carinhanha, Feira da Mata, Ibotirama, Igaporã, Matina, Serra do Ramalho e Sítio do Mato.
Todas estas ações serão executadas com recursos do Orçamento Geral da União.

Ascom Codevasf

Facebook Comments
Comentar