orgasmoUm aparelho que promete proporcionar momentos de prazer para mulher com um simples apertar de botão acaba de ser patenteado nos Estados Unidos e deve ser testado ainda esse ano. O aparelho ajuda mulheres que sofrem de anorgasmia, que é a incapacidade de atingir o orgasmo. Para colocar o aparelho, a mulher precisa se submeter a uma cirurgia. Uma caixa um pouco menos que um maço de cigarro é implantado em uma das nádegas da paciente, que deve permanecer consciente durante o procedimento para ajudar o cirurgião a posicionar os eletrodos. O dispositivo é acionado por controle remoto que ativa nervos da medula espinhal responsáveis pelo orgasmo. A operação é tão invasiva quanto à colocação de um marca-passo e, por isso, só será indicada em casos extremos. Aproximadamente 10% das mulheres nunca chegaram ao orgasmo. E de 30 a 50% não estão satisfeitas com a sua capacidade de chegar ao clímax. O problema, muitas vezes, é tratado com terapia e ainda não há medicamento que possa solucionar a falta de orgasmo. O aparelho também será testado em homens.

Bahia Notícias

Facebook Comments
Comentar