revistaEntidades ligadas aos direitos humanos pressionam o Senado para que seja colocado em votação o projeto de lei que acaba com a revista íntima para visitantes do sistema prisional. Por meio de carta enviada à presidência da Casa, 89 ONGs como a Pastoral Carcerária e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública e Tortura Nunca Mais pedem urgência na tramitação do texto. As entidades querem que tecnologias que detectam itens proibidos sejam utilizadas em vez da atual revista em que a pessoa fica nua e tem partes íntimas inspecionadas, situação considerada vexatória. “A prática afronta gravemente direitos e garantias da Constituição”, afirmam as entidades. A informação foi publicada pela colunista da Folha, Mônica Bergamo, nesta quinta-feira (13). Segundo a publicação, a presidência do Senado informou, por meio de sua assessoria, que o projeto será discutido na próxima reunião de líderes e “terá prioridade” na pauta.

Facebook Comments
Comentar