idoso-300x192


No auge dos seus 72 anos, frágil e portador de problemas mentais, o Sr. Francisco Viana de Souza, foi brutalmente espancado por três Policiais Militares da polícia baiana. O fato aconteceu no último domingo, 18 de maio de 2014, na cidade baiana de Santa Maria da Vitória. Infelizmente a vítima não resistiu aos ferimentos e veio a óbito por volta de 01h da madrugada do último domingo, 25 de maio, no Hospital de Planaltina em Brasília.

Segundo a família o laudo preliminar aponta que a causa da morte foi “traumatismo craniano, hemorragia interna causada pela perfuração dos pulmões. Foram varias coisas. Ele estava vomitando sangue depois parou”.
A instância superior da Polícia Militar ainda não se pronunciou oficialmente sobre o fato, os nomes dos policiais não foram divulgados, família e sociedade continuam sem resposta sobre a situação da ação.

O caso tem tido grande repercussão, tornou-se uma noticia viral nas redes sócias. Moradores de Santa Maria da Vitória tem externado repúdio e indignação pela atitude desumana dos polícias e vem buscando formas para que o caso não fique impune e que uma resposta seja dada pela Justiça.

Uma petição foi criada, já com grande repercussão, o objetivo é fazer que o caso se torne conhecido pelas seguintes instituições, que são também responsáveis pelo cumprimento da lei e dos direitos humanos: Ministério Público do Estado da Bahia, Corregedoria da Polícia Militar do Estado da Bahia, Ouvidoria do Estado da Bahia, OAB Bahia, Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Comissão dos Direitos Humanos do Senado Federal e da Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa do Estado da Bahia.

Por: jornalcomerciohoje.com.br

Facebook Comments
Comentar