Homofobia

O Pastor Marcos Feliciano usou a sua página da rede social para repudiar a atitude da atriz Viviany Beleboni, de 26 anos, transexual, espírita, onde a mesma se prendeu à cruz, encenando o sofrimento de Jesus, para “representar a agressão e a dor que a comunidade LGBT tem passado”. Foi a 19ª Parada do Orgulho LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) realizada no domingo, 07 de junho.

Muitos evangélicos e até mesmo católicos espalhados pelos quatro cantos do mundo criticaram esta ação, considerando como um ato absurdo e inadmissível. O Deputado Federal Marco Feliciano publicou um texto no Facebook: “Imagens que chocam, agridem e machucam. Isto pode? É liberdade de expressão, dizem eles. Debochar da fé na porta denuda igreja pode? Colocar Jesus num beijo gay pode? Enfiar um crucifixo no ânus pode? Despedaçar símbolos religiosos pode? Usar símbolos católicos como tapa sexo pode? Diizer que sou contra tudo isso NÃO PODE? Sou intolerante, né?, disse ele. feliciano

Redação: www.mediosaofrancisco.com Colaboração: G1

Facebook Comments
Tags:, , , ,
Comentar