sarau1

 



O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) em parceria com a Prefeitura Municipal de Malhada,através da Diretoria de Cultura-Josedalva Guarani-Kaiowá Dos Santos promoveu no último dia 03/06 – O Dia nacional de Mobilização em defesa do Rio São Francisco – durante a Semana mundial do Meio ambiente, a campanha “Eu viro carranca pra defender o Velho Chico”, promovendo atividades na Comunidade Quilombola de Parateca,município de Malhada-Bahia com a presença de mais de 1000 pessoas.No Médio São Francisco, no município de Malhada , está localizada a comunidade quilombola de Parateca,situada a margem direita do Rio São Francisco que fica a uma distância de 70 km de sua sede-Malhada.Essa comunidade ribeirinha quilombola fica um pouco distante da sede e é composta por um povo lutador e guerreiro.Nesse sentido foi escolhida a referida comunidade para a realização do evento idealizado pelo Comitê de Bacias. O evento teve início ás 16:00 horas com a distribuição de camisetas, bonés,banners, broches, seguida da caminhada cultural; passamos pelas principais ruas da comunidade, acompanhados do carro de som,onde várias autoridades e representantes da comunidade faziam uso da palavra destacando a importância de cuidar e salvar o Velho Chico.Por volta das 17:30 chegamos no itnerário final do evento na Quadra Poliesportiva da comunidade para a exposição de arte do artista malhadense Carlos Santana que apresentou obras sobre o Rio São Francisco e o Sarau Cultural do Velho Chico.

sarau3Participaram do evento diversas autoridades:Prefeito Municipal, vereadores, ex Vereadores, representantes das associações, representantes da saúde, secretários municipais, lideranças da comunidade, diretores escolares, professores, alunos… Além destas, diversas outras instituições e o público em geral participaram do evento mais de 1000 pessoas. Após o uso das palavras pelas autoridades demos inicio ao Sarau Cultural por volta das 18:00 com mais de 20 apresentações culturais pelos alunos das escolas de toda a região:Pau D’arco,Parateca,Bredo ,Capim de raiz,Vila Nova…e artistas da comunidades adjacentes com poesias,músicas,danças,dramatizações,poemas , integrando diversos segmentos da sociedade e fortalecendo valores e conhecimentos na busca de um meio ambiente equilibrado e a verdadeira revitalização do rio São Francisco são as metas da atividade desenvolvida.

sarau“O Dia Nacional em defesa do Velho Chico é realizado com o intuito de conscientizar sobre o cuidado com o Velho Chico e com o ambiente em que vivemos. Nesse dia diversas ações estão sendo realizadas em toda a bacia para que a população nos ajude a preservar o nosso Velho Chico”, destacou o Prefeito Municipal Gimmy Everton.

sarau5Após as apresentações realizadas,o artista Pedro da Viola nos presenteou com diversas canções que falavam do Rio São Francisco,emocionando todo o público.Logo após o encerramento do evento foi servido um delicioso lanche para todos os presentes.Os defensores da causa sanfranciscana que fizeram uso da palavra durante o ato,colocaram em prática várias iniciativas de alerta e conscientização ecológica, chamando atenção para os principais problemas ambientais da atualidade.

Foi um dia de mobilização em defesa do nosso ‘Velho Chico’ – não de protesto. O “rio da unidade nacional” enfrenta atualmente a mais severa seca dos últimos 50 anos.Merecem destaque as apresentações culturais dos alunos das escolas municipais e escola estadual da comunidade que alerta a sociedade para a necessidade urgente de revitalização do São Francisco e o aprofundamento de discussões relevantes para a vida do rio como a vazão ecológica, disponibilidade hídrica e os usos múltiplos das águas.

sarau4Na bacia hidrográfica vivem 17 milhões de pessoas em 641 mil km², compreendendo 504 municípios em 5 estados (Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas). O rio, com 2.830 km de extensão, integrando as regiões nordeste e sudeste tem 168 afluentes e 1.373 km de trecho potencialmente navegável, entre Pirapora, Juazeiro (BA) e Petrolina (PE).

Por Josedalva Guarani-Kaiowá Dos Santos – Diretora de Cultura de Malhada

Redação: www.mediosaofrancisco.com

Facebook Comments
Comentar