Câmara de Malhada

Alguns vereadores da cidade de Malhada, no sudoeste baiano, se dizem contra a transmissão das sessões via emissora de rádio. Há quem diga que alguns destes alegam que o motivo de tal decisão é em decorrência da não utilização do espaço na rádio, mas será que a rádio contratada, a saber, a Potal FM, tem negado o espaço ou são os parlamentares que têm estado ausente e uma vez não tendo nada para se apresentar à população não têm procurado a rádio?

Esta justificativa não convence os malhadenses, pois todos os vereadores tem tempo suficiente nas sessões para apresentar seus projetos para o povo dos quatro cantos do município, fazer suas cobranças e mostrar serviço para os eleitores que os escolheram para os representarem, no entanto, o que a população mais ouve através do rádio são discussões sem fundamentos, cada um querendo defender seus próprios interesses, é um blá, blá, blá, desentendimento,troca de palavras, talvez seja por isso que querem cortar as transmissões das sessões via rádio, pois estes vereadores, falo daqueles que são contrários à transmissão, não tem nada de bom a apresentar para a população e como sabem que os malhadenses em peso estão ouvindo as sessões e estão com os ouvidos bem antenados e de olho neles, começam a inventar moda. Ai surge uma pergunta no ar, será que a população concorda com esta atitude de cortar as transmissões das sessões? Entendo que a presidente da Cãmara tem que ouvir a população e ai sim tomar a decisão correta.

A Rádio é um importante istrumento de comunicação e inclusão, pois através dela, todos tem a oportunidade de acompanhar de perto as informações pertinentes á sua cidade, cortar a transmissão das sessões via rádio, é excluir o povo do legistalivo malhadense, pois nem todos podem estar presente nas sessões, mas na sua casa, no seu trabalho, eles estão ali por dentro de tudo o que acontece e o que está acontecendo.

Você que é a favor da transmissão e contra o pensamento destes quatro vereadores, manifesta, diga não a esta decisão, pois um povo unido jamais será vencido. Vamos ficar de olho neles!

O espaço também está aberto para o vereador que quiser se manifestar.

Facebook Comments
Comentar