temer

O vice-presidente Michel Temer (PMDB) almeja mais poder para o seu partido nas próximas eleições presidenciais. Durante reunião com lideranças peemedebistas em Belo Horizonte, ele afirmou que a sigla precisa “ter a Presidência da República em 2018”. No entanto, ele afirmou em entrevista coletiva que não vai sair como candidato para o cargo daqui dois anos. “Dizer que o PMDB não tem poder político, tem. Nós temos novos prefeitos, vereadores, deputados estaduais, federais, senadores, a Presidência da Câmara [dos Deputados], a Presidência do Senado, modestamente a vice-presidência da República, nós temos poder político. O que nós precisamos é ter a Presidência da República em 2018”, disse o vice-presidente, recebendo aplausos de correligionários. Ele ainda destacou que o partido precisa do poder para colocar em prática o que planeja. “Nós temos que ter meio, caneta, para executar aquilo que o verbo peemedebista relata, escreve”, declarou.

Fonte: BN

Facebook Comments
Comentar