Foto: Lula Marques / Agência PT

Foto: Lula Marques / Agência PT

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta terça-feira (12) que está “mais fácil” dar fim ao processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff no Congresso. Em entrevista à Rádio Jornal, de Petrolina (PE), Lula calculou que o resultado está nas mãos de seis senadores. “Antes você tinha uma Câmara incontrolável. Agora Dilma está dependendo de seis votos, são seis senadores que podem mudar o destino do país, devolvendo a Dilma o mandato popular que o povo deu a ela e, portanto, somente o povo poderia tirá-la”, disse. Ainda durante a entrevista, o ex-presidente afirmou ter discutido com Dilma o cenário econômico brasileiro várias vezes, mas sugeriu não ter sido ouvido pela sucessora. “Mas a gente respeita a pessoa que está no mandato, que diz o que quer e como quer”, afirmou. Depois de passar por Juazeiro e Petrolina, Lula participará da Plenária do 2° Conselho Deliberativo da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado Pernambuco (Fetape) nesta terça, às 16h, em Carpina (PE).

Fonte: Bahia Notícias

Facebook Comments
Comentar