calor_2

Neste momento o clima em Malhada, no sudoeste baiano, é muito quente. Muitos moradores procuram refúgio embaixo das árvores, sentam-se nas calçadas, por outro lado, outros se dirigem até o Rio São Francisco para tomar um banho e refrescar, amenizando assim a situação.

A situação é mais agravante para aqueles que trabalham durante todo o dia nas fazendas em busca do pão de cada dia para a sobrevivência da família.

O calor é tão intenso que alguns moradores relatam que na hora do almoço a vontade de comer passa e a tendência é beber muita água e tomar um suco ou um refrigerante bem gelado. Até as pessoas que chegam para visitar alguns parentes e comercializar seus produtos sentem dificuldade para se adaptarem ao clima.

Cada dia mais quente que o outro e só Deus para ter misericórdia dos malhadenses e enviar chuva sobre a terra, trazendo novos ares.

Redação: www.mediosaofrancisco.com

Facebook Comments
Comentar