Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Uma média de nove pessoas morre diariamente por causa de ações policiais no Brasil, segundo dados do 10º Anuário de Segurança Pública. De acordo com a Folha de S. Paulo, quando os números são comparados com a realidade de países europeus, fica evidenciada a letalidade da polícia brasileira. Conforme levantamento feito pelo jornal britânico Guardian em 2015, foram registrados 55 disparos fatais na Inglaterra e no País de Gales entre 1990 e 2014, numa população de 56 milhões de pessoas. Em seis dias, a polícia brasileira mata o mesmo que a britânica em 25 anos. Na Islândia, ilha do norte europeu, apenas uma pessoa morreu nos últimos 72 anos por disparo policial. Segundo os estudos de Paul Hirschfield, professor de sociologia na Universidade Rutgers (EUA), uma das explicações para a baixa mortalidade por disparos policiais na Europa se deve ao fato de que parte das forças de segurança não estão armadas nesse continente. “A polícia é forçada a encontrar saídas não letais, o que lhe dá mais legitimidade”, afirma o especialista. No Brasil, os policiais também são alvos de assassinatos. Segundo o anuário, elaborado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, ao menos um é morto diariamente durante o expediente ou fora dele.

Fonte: Bahia Notícias

Facebook Comments
Tags:, , ,
Comentar