Foto: Direto da Cidade

Foto: Direto da Cidade

Estudantes universitários de Mata de São João que tem aulas em Salvador e Lauro de Freitas protestaram na última segunda-feira (16) contra a suspensão do transporte fornecido pela prefeitura. Segundo informações do site Direto da Cidade, os manifestantes saíram do Parque da Cidade por volta das 15h e permaneceram cerca de 30 minutos em frente ao centro administrativo, com palavras de ordem como “Queremos estudar e o prefeito não quer deixar” e “Estudantes na rua. Prefeito a culpa é sua”. Em discursos realizados no ato, os universitários apontaram os prejuízos gerados após a decisão, divulgada na última semana.protesto mata

A mobilização também apresentava conflitos internos, com estudantes criticando a ação do Grupo dos Universitários Matenses (Guma). “O GUMA não representa os universitários do litoral”, reclamaram alunos desta região. Em uma fala, um estudante questionou a atitude do prefeito, Marcelo Oliveira (PSDB). “Só estamos exigindo o direito de estudar. Se o prefeito não pode nos garantir esse direito, peça pra sair”, afirmou, sendo aplaudido, e acompanhado por outros com a frase “Pede pra sair”. O grupo percorreu o centro da cidade e voltou novamente à prefeitura. Por volta das 16h, o secretário municipal de Educação, Rafael Sá, saiu do prédio. Vaiado, entrou em um carro e saiu sem conversar com os manifestantes.


Fonte: Bahia Notícias

Facebook Comments
Tags:, , , , ,
Comentar